Notícias

CYTOGENE - Diagnósticos moleculares

Fique por dentro de nossos acontecimentos.

21/12/2018

A medicina personalizada está ao seu lado

O conhecimento médico tem se expandido de forma exponencial.
Segundo um importante estudo americano publicado em 2011, na década de 1950 o tempo de duplicação dos conhecimentos científicos era de 50 anos, passando para 7 anos em 1980 e 3,5 anos em 2010. Incrivelmente tudo indica que para 2020 duplicaremos os conhecimentos médicos a cada 73 dias. (1)
Como os médicos irão lidar com tamanho desafio? Com tantas opções terapêuticas disponíveis, como escolher o medicamento com a melhor chance de dar certo e ainda com o menor custo possivel?
O Exame de Farmacogenômica da Cytogene, com uma ferramenta online exclusiva no Brasil, é o seu grande aliado. Neste exame solucionamos os seus problemas de fontes científicas não confiáveis, atualização médica permanente e otimização do tempo dedicado à prática médica. A Cytogene faz tudo isso para levar os médicos em direção ao que mundialmente tem se chamado de “Serviços de Alta Performance Prestados aos Pacientes”. (2)
 


Distúrbio bipolar

Para um grande número de distúrbios psiquiátricos manejados farmacologicamente, os medicamentos empregados passam pela via metabólica do sistema do citocromo p450. Estatisticamente existe um grande número de pacientes cujo genótipo prediz um status metabólico intermediário (IM) ou pobre (PM) do CYP2D6.

Mesmo que a informação genética do paciente o classifique como metabolizador extensivo (EM) ou metabolizador intermediário (IM), dependendo do mecanismo de ação do fármaco, o efeito clínico pode se dar como se o paciente modificasse o seu status metabólico de extensivo ou intermediário para metabolizador pobre (PM). Este efeito ocorre com muita frequência diante dos inibidores seletivos da captação da serotonina. (3) (4)

Na prática clínica, sabidamente alguns pacientes tratados para desordem bipolar, ao receberem antidepressivos, podem apresentar episódios de mania ou até mesmo aumentar a severidade dos sintomas. (5) O Exame de Farmacogenômica pode ser muito útil nestes casos ao ajudar o médico a entender e prever estes efeitos paradoxais. (6) (7)

Abaixo, alguns exemplos de drogas cuja bula contém alertas sobre informações farmacogenômicas (FDA).
 


Fique atento

Prática clínica sugerida em pacientes com o metabolismo de CYP2D6 prejudicado:
Evite, sempre que possível, drogas com toxicidade geral severa e cuja principal rota metabólica seja o CYP2D6;
Evite, sempre que possível, pró-drogas que precisam ser ativadas pelo CYP2D6;
Evite, sempre que possível, drogas inibidoras de CYP2D6;
Controle o uso de drogas cuja rota metabólica passe pelo CYP2D6, com especial atenção aos medicamentos de liberação lenta. Nestes casos, mantenha o seguimento e monitoramento rigorosos;
Use drogas cujo metabolismo não dependa exclusivamente ou principalmente de CYP2D6.
 
*Adaptado de Sanchez-Iglesias et al, 2016.
 
________

*O Exame de Farmacogenômica aumenta os índices de sucesso terapêutico; entretanto, o médico deve atentar para casos que não apresentarem o êxito esperado. (1) Trans Am Clin Climatol Assoc. 2011;122:48-58. Challenges and opportunities facing medical education. Densen P1. Author information 1 The University of Iowa, Roy J. and Lucille A. Carver College of Medicine, CMAB 122, Iowa City, Iowa, 52242-1101, USA. peter-densen@uiowa.edu | (2) https://improvement.nhs.uk/news-alerts/high-performingfoundation- trusts-support-others-improving-patient-services/ ) | (3) Santiago Sánchez-Iglesias, MD, PhD, Virginia García-Solaesa, BSc, PhD, et al. Role of Pharmacogenetics in Improving the Safety of Psychiatric Care by Predicting the Potential Risks of Mania in CYP2D6 Poor Metabolizers Diagnosed With Bipolar Disorder. Medicine (Baltimore). 2016 Feb; 95(6): e2473. | (4) Jurica J, Zourkova A. Dynamics and persistence of CYP2D6. Inhibition by paroxetine. J Clin Pharm Ther. 2013;38:294–300. | (5) 26. van der Weide J, Hinrichs JW. The inuence of cytochrome P450 pharmacogenetics on disposition of common antidepressant and antipsychotic medications. Clin Biochem Rev. 2006;27:17–25. | (6) Kirchheiner J, Nickchen K, Bauer M, et al. Pharmacogenetics of antidepressants and antipsychotics: the contribution of allelic variations to the phenotype of drug response. Mol Psychiatry.2004;9:442–473.

Últimas Notícias

RECUPERAR SUA SENHA.